Glúteos

Os glúteos têm impacto estético para a visão posterior do corpo tal qual a mama para a anterior e, de perfil, assume importância máxima no equilíbrio da silhueta. A beleza desta região depende tanto do próprio formato do glúteo, como também de sua transição com as áreas vizinhas (abdome, coxa e região lombar). A forma do glúteo tem influência hereditária (forma da bacia), mas é igualmente dependente da musculatura e tecido adiposo.

Musculatura – Os músculos glúteos são fortes devido à postura bípede humana. Dentre eles o músculo glúteo máximo é o maior, mais volumoso e superficial. Ele, além de participar da manutenção da postura ortostática e movimentar os membros inferiores, projeta o glúteo e, através de septos fibrosos, dá firmeza à pele e ao tecido adiposo.

Tecido adiposo – O tecido adiposo deixa o glúteo com sua forma curva característica. Principalmente em mulheres, pela ação do hormônio feminino, está susceptível ao aumento nos ganhos de peso e, com o tempo, à flacidez e à celulite.

Os problemas estéticos que afligem a região glútea são o acúmulo de gordura, a flacidez e a falta de projeção.

Cirurgia Antes do tratamento cirúrgico vale ressaltar que alimentação saudável, peso corporal adequado e musculatura bem desenvolvida são tão ou mais importantes do que a cirurgia.

Prótese glútea As próteses produzem melhores resultados quando introduzidas dentro da musculatura do glúteo máximo. A incisão é feita no sulco interglúteo. A forma e localização da prótese servirão para melhora do contorno, projeção e efeito de “suspensão glútea”.

Dermolipectomia glútea Através de incisão em “asa de gaivota” toda pele e gordura glútea são tracionadas para cima e o excesso é ressecado ou embutido na própria nádega para aumento de volume. Em alguns casos, associa-se inclusão de prótese glútea.

Vejamos alguns problemas estéticos dos glúteos.

Acúmulo de gordura - O tratamento de escolha é a lipoaspiração. Geralmente, é realizada nas áreas vizinhas aos glúteos como flancos e culotes e raramente na gordura glútea pelo risco de resultar em flacidez.

Flacidez – As discretas são resolvidas com hipertrofia muscular (ginástica) e aumento de volume com lipoenxertia ou prótese. Em flacidez mais severa, há necessidade de dermolipectomia glútea.

Falta de projeção – Dois tipos de cirurgia são utilizados: prótese glútea ou lipoenxertia (enxerto de gordura).

© 2011. JASON CIRURGIA PLÁSTICA. Todos os direitos reservados

RS Web Interactive: Criação de sites